Quem Sou‎ > ‎Minhas Composições‎ > ‎Minhas Poesias‎ > ‎

Emaranhado

postado em 13 de set de 2010 15:17 por Erisvaldo Ferreira Silva

Emaranhado


eris


Uma pesquisa intensa

uma fome imensa

um desvio qualquer

 

por água abaixo

lá se vai a idéia

um emaranhado se forma

de tentativas de lembrança e cefaléia

 

O medo do iniciar de novo

agora uma alma triste e sem cor

uma sombra

que sem restos ficou

 

Uma mente vazia

uma secretaria de nadas

um conto

um conto de fadas

Comments