Quem Sou‎ > ‎Minhas Composições‎ > ‎Minhas Poesias‎ > ‎

Esfera

postado em 13 de set de 2010 15:34 por Erisvaldo Ferreira Silva

Minha amiga esfera

que além de tão bela

esconde segredos tão bem

me revela teus mistérios e me digas

quantos lados você tem

 

Para que sentido tu olhas

Aliás

onde estão os teus olhos?

 

Minha amiga esfera

Multicor

que revelas a vida ao averso

sem fim ou sem começo

oh, esfera

sem cor

 

Orgulhosa ao girar em volta de si mesma

e tenebrosa ao girar em torno de qualquer um

esplendorosa em seus movimentos

numa órbita qualquer

 

Cuidado, oh desajeitada

que cai se, os teus "pés", o solo se inclina

sem asas voas graciante

mas se quebra

feito diamante

Comments